Você está em: São Paulo > Mundo > EUA cogitam solução militar contra Coreia

<< voltar próxima matéria >>

Mundo

EUA cogitam solução militar contra Coreia

06 de Julho de 2017

Os EUA ameaçaram, ontem, usar força militar contra o regime da Coreia do Norte, um dia após o teste de um míssil balístico intercontinental por Pyongyang. Na ONU, Washington irá apresentar um plano de sanções contra o país asiático.

"Uma das nossas capacidades reside nas nossas consideráveis forças militares. Vamos usá-las, se preciso, mas preferimos não ter de ir nesta direção", afirmou a embaixadora americana na ONU, Nikki Haley. A França declarou apoio à resolução, mas a Rússia disse se opor ao pacote de sanções e afirmou que uma opção militar seria "inadmissível".

Ontem, a Coreia do Norte afirmou que o ICBM, míssil testado com sucesso na terça-feira (4), poderia carregar uma ogiva nuclear.

"Pyongyang já fez cinco testes nucleares, e agora desenvolveu esse míssil, mas é difícil saber se eles conseguem juntar essas peças. Isso ainda não foi comprovado", afirma a professora e coordenadora do curso de Relações Internacionais das Fecap, Marília Souza Pimenta. "Mas não é uma mudança na política externa norte-coreana, isso já existe desde a época de Kim Jong-il, e é uma forma de barganha", completa.

Após o teste militar, o presidente americano, Donald Trump, pediu que a China resolvesse a situação com a Coreia do Norte.

"A China pode pressionar, pedir diminuição nos testes, em troca de mais recursos", afirma Pimenta. "Esse diálogo, mesmo que mínimo, entre EUA e China, é interessante porque Trump reconhece a influência da China", diz a professora. THAÍS FREIRE

EUA cogitam solução militar contra Coreia
0
340666


PUBLICIDADE

COD1141_conversordevinil_315x260_gif