Você está em: São Paulo > Esportes > Últimas passadas atrás do último ouro

<< voltar próxima matéria >>

Esportes

Últimas passadas atrás do último ouro

10 de Agosto de 2017

O fenômeno Usain Bolt não pretende deixar o Mundial de Londres sem ter subido ao lugar mais alto do pódio. Amanhã, ele disputará pela última vez uma prova de atletismo e espera encerrar a carreira com o seu 12º ouro em Mundiais. Mas não será nada fácil, pois os adversários já sentiram que podem derrotar o mito e sua equipe jamaicana.

Na final dos 100 m, no Mundial de Londres, Bolt foi superado pelo norte-americano Justin Gatlin, que ficou com a medalha de ouro e já mostrou que está disposto a brilhar na despedida de Bolt. A prata foi para Christian Coleman.

Os dois integram a equipe dos EUA do revezamento 4x100 m e serão os principais concorrentes da Jamaica, tetracampeã mundial da prova.

Desde 2009, os jamaicanos dominam o revezamento 4x100 m com a equipe completa. A última vez que não conseguiram ficar no topo do pódio foi no Mundial de Osaka-2007, quando a equipe da Jamaica foi prata. A medalha de ouro foi conquistada pelos Estados Unidos.

Queda inesperada

Sem Bolt e Asafa Powell, a Jamaica fracassou no Mundial de Revezamento disputado neste ano nas Bahamas. A equipe errou a passagem de bastão nas eliminatórias e não avançou. O ouro ficou com os EUA, capitaneados por Gatlin.

Últimas passadas  atrás do último ouro
0
344216


PUBLICIDADE

COD1141_conversordevinil_315x260_gif